Uns acreditam no pai natal, outros não


A URSS nunca invadiu

Como é possível que alguém ainda defenda ideias destas?

Avante! continua a defender a extinta União Soviética. Na última edição, Correia da Fonseca contesta o trailer do filme Jogos de Poder porque nele está incluída “uma patranha que não é nova, que faz parte do arsenal de caluniosas aldrabices regularmente disparadas contra a defunta União Soviética”. A patranha, a saber, consiste em falar na “’invasão soviética’ do Afeganistão, coisa que na verdade nunca existiu excepto nas versões mentirosas da propaganda americana”.

in Sábado

Esta é mais uma ‘patranha’ na linha daquelas (denunciadas pelo mesmo periódico) como “o muro de Berlim não ter sido construído para impedir a fuga dos habitantes de Leste para cá, antes pelo contrário, foi construído para evitar que os povos de cá entrassem nos tão apetecíveis países de leste”; ou ainda que “a União Soviética nunca invadiu nenhum país, nem sequer a Checoslováquia; foi para lá apenas para libertar a malta”.

Enfim… o pior cego é aquele que não quer ver.

.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s